COMO USAR | PELE FAKE

oooi lindezas, voltei, de novo hahaha

Não posso contar nada por enquanto, por isso vamos direto ao assunto de hoje >>>> PELE FAKE

olivia-palermo-3

Os queridinhos casacos e coletes de pele (pele de mentirinha né, porque judiar dos animais além de ser desumano, é crime) vem desde o ano passado se destacando nos dias mais frios.

Existem vários modelos, já vi de tudo por aí, desde os mais discretos para pessoas modestas, até os mais escandalosos, o que importa é não passar frio né? Eu tenho um colete de pele fake marrom, super discreto, combina com tudo e é bem quentinho, mas confesso que estou louca por um casaco super peludo hahaha e não me importo se me virem na rua e pensarem, olha lá o urso fugiu da floresta kkkkkkkkkkk

A ideia aqui, é deixar algumas sugestões de como usar, porque sei que existem muitas pessoas que não usam por simplesmente não saberem como combinar ou achar que não vai se encaixar no estilo delas (minha mãe é um exemplo). Mas pra você que ainda tem medo de arriscar, uma dica é começar por pequenos detalhes, como uma gola de pele por exemplo.

Agora vem comigo e da um close nos looks que separei:

colete-de-pele-001-_-arianne-ribeiroElla Catliff 2_646x430_172eb9a2560ce2c83a17efddd84d1b16apelefake01look-colete-de-pele-fake-aline-auad-2camilaDSC_12721casaco_de_pele_pelo_look_dica_cade_meu_blush_quem_procura_acha_fashion_outfit_baratinho_shein-1look-do-dia-bandana-e-colete-de-pelo-banda-colete-de-pelo-look-frio-2

Viu só? Da pra usar com jeans, legging, vestido, saia, camisa, blusinha, bota, sandália, scarpin…e o que você quiser, porque o que importa é se sentir bem!!

Voltarei em breve, beijossss ❤

Anúncios

‘Plante sementes do bem por onde você passa’

“Pegue tudo que trouxerem até você e transforme em algo positivo.”

Leia esse post ao som de uma boa música.
Que tal “Let her go – Passenger“?

flores em vc

Essa frase, que uma amiga muito querida postou em uma rede social hoje, me inspirou a escrever. Talvez por acreditar verdadeiramente nisso. Talvez por ter feito muito isso ultimamente. Ou talvez por este ter sido o assunto da conversa com uma amiga na noite passada. O fato é que temos a possibilidade de escolher o que vamos fazer com tudo que chega até nós.

Entendo que nem tudo na vida são flores, há dias em que a esperança parece tão pequena que nem mesmo conseguimos vê-la. Mas são nestes dias que devemos lembrar que tudo acontece por uma razão. Você pode não entender o que acontece agora, mas certamente isso te trará um aprendizado e uma lição.

Lembre-se sempre que Deus, ou seja qual for o ‘ser superior’ em que acreditas, Ele tem uma razão para tudo. Cada dia que nasce é uma nova oportunidade de começar de novo, de escolher coisas boas e, acima de tudo, sentimentos bons. Mesmo aquele dia difícil, onde tudo parece dar errado, ele terá fim. E então ao acordar, uma nova página estará ao teu dispor, você poderá escrever e desenhar o que quiser. Opte por preenchê-la com flores, com perfumes, com atitudes e sementes boas.

Então, se alguém chegar a ti com sentimentos negativos, escolha transformá-los em positivos. Tire um ensinamento disso e propague-o. Toda a energia positiva que emanamos, em um certo momento volta para nós. É a lei do retorno.

Plante sementes do bem por onde você passa. A partir do momento que entendemos isso, que devemos devolver à atmosfera energias positivas, nos transformamos em seres mais humanos e dignos.

Aqui no Brasil, estamos vivendo um momento difícil. Nos últimos dias temos visto as pessoas fazendo coisas irracionais. Sou a favor sim, de defender seu ponto de vista até o fim, de lutar por aquilo que acreditas. Mas não são necessárias brigas, difamações, agressão ao próximo. Todos nós brasileiros queremos viver em um país melhor e a união é o que deve prevalecer. Como jornalista, posso afirmar que não há nada mais gratificante do que noticiar grupos distintos que se uniram por um bem maior, sejam eles de direita ou de esquerda. Ver as pessoas indo às ruas para pedir por um país justo é recompensador e me emociona. Isso mostra que é por meio da união que vamos conseguir mudar essa situação.

Tenha certeza de que quando deitares tua cabeça no travesseiro à noite, irá lembrar-te de tudo de bom que existe em tua vida. Agradeça pela família, os amigos, o trabalho, a saúde e tudo de bom que te aconteces. E nunca se esqueça de que tens uns novo dia pela frente.

Tem uma frase que diz mais ou menos assim “Se alguém passar por cima de ti que nem um trator, aproveite e plante novas sementes na sua alma ‘arada’. (Louise Madeira). É isso, aproveite cada oportunidade que lhe é dada e transforme-as em algo positivo e grandioso. Pode ter certeza, isso retornará para ti.

Tenham um maaaaaravilhoso fim de semana.

Beijos, Dai.

 

‘Ame-se, não há nada mais bonito que isso!’

“Quando você se amar da forma que você merece, ninguém que se chegar a ti terá a audácia de te amar menos que isso.”

Escolhi essa frase da autora Clarice Albuquerque para começar o post de hoje e você pode ouvir a uma boa música enquanto o lê.

(Que tal “Try” da Colbie Caillat?)

collage sorrisos

Hoje gostaria de conversar um pouquinho sobre amor próprio. Um sentimento que muitas vezes na vida deixamos de lado por causa dessa ou daquela pessoa. Conselho? NUNCA deixe-o de lado! A gente se doa,  tenta mudar e se adaptar ao mundo da pessoa que gosta. Acredite, é normal. Eu já passei por isso e, tenha certeza, todas as pessoas que realmente amaram alguém em algum momento o fizeram para satisfazer o desejo de estar com o outro.

Não são só as mulheres que fazem isso, os homens também. Eles apenas têm mais dessa coisa de “não se deixar levar” do que nós, mulheres. Somos mais intensas, normalmente. Eles são mais racionais nesse sentido. Já nós mulheres, quando nos apaixonamos, parece que vivemos em outro planeta, hahaha.

O ponto que eu gostaria de chegar é que a gente nunca deve mudar por causa de outra pessoa. Podemos sim, devemos até, melhorar e amadurecer, mas se transformar em algo que você não é só vai lhe trazer sofrimento no futuro. Quando ficar só, por um momento que seja, tu vais se perguntar “onde está aquela garota que gostava de comer algodão doce?” ou “em que momento deixei de fazer o que gosto?”.

Devemos fazer tudo que gostamos e ser nós mesmos em todos os momentos. O que mais existe atualmente são pessoas que, de tanto mudar pelos outros, não sabem mais quem são de verdade.

Então, se você gosta de correr pela praia que nem uma doida, faça isso. Se sua alegria é ir ao teatro e assistir à uma bela peça, não desperdice tempo. Se tu é daquelas que gosta de tomar banho de chuva em uma tarde de calor, corra. Seja fiel ao que sentes. Não percas tempo em ser você mesma, em fazer aquilo que gosta, porque assim as pessoas que chegarem até você só irão somar.

E no dia em que olhares para dentro de si, enxergar a sua essência e se orgulhar da pessoa que é, então verás que não importa o que digam de ti, tens certeza de quem é e do que carrega em teu peito. E, vou te contar, não há nada mais bonito e interessante que uma pessoa verdadeira, posso te garantir 😉

Pratique o melhor amor do mundo, o próprio. Pois como disse Osho “Se você é capaz de ser feliz quando está sozinho, então aprendeu o segredo de ser feliz”.

Beijo beijo!!

O amor nos torna seres mais dignos!

Oláááá, hoje eu acordei querendo falar sobre amor, esse sentimento mágico!

Vocês por acaso já pararam para tentar entender o verdadeiro significado dessa palavra, tão pequena, que possui um efeito tão grande em nós?

(Que tal ler esse post ouvindo uma música linda?)
Photograph – Ed Sheeran

IMG_6593

No dicionário há muitas definições para amor. Duas delas, no entanto, sempre me chamaram a atenção: “sentimento que impele as pessoas para o que se lhes afigura belo, digno ou GRANDIOSO” e “afeição, grande amizade, LIGAÇÃO ESPIRITUAL”.

É realmente uma ligação espiritual se pararmos para pensar. Pois, de tantas pessoas que conhecemos diariamente em nossa vida, apenas uma é capaz de despertar em nós aquele desejo de estar perto e aquela vontade de compartilhar as vitórias e os fracassos.

Estou falando daquele amor que te complementa, daquela pessoa que te desafia a fazer o melhor que pode, aquela que está todos os momentos ao teu lado, que te incentiva e que te impulsiona para frente, para que busques realizar todos teus sonhos.

Amar é ter alguém para contar, é sair no meio da madrugada para comprar um remédio para o outro, é cantar uma música romântica ao pé do ouvido enquanto dançam, é beber um vinho juntos ou assistir à um filme em uma tarde de domingo. É olhar nos olhos da pessoa enquanto toca violão e canta sua música preferida, é abrir um sorriso nos lábios quando recebe uma mensagem de “bom dia”, é receber um café da manhã na cama acompanhado de um beijo ou fazer uma sopa quando o companheiro está resfriado.

O amor é impressionante! Ele desperta sua alma, incendeia seu coração e traz paz para sua mente.

IMG_0085

Esse sentimento é raro, raríssimo. Ao amarmos alguém, nos tornamos seres mais dignos e mais humanos. Atualmente, do jeito que as coisas andam, é difícil ver pessoas dispostas a amar. São tantos seres vazios por aí, tantos caras que ficam com três, quatro mulheres ao mesmo tempo e tantas mulheres que, de tantas decepções, se dizem “inamoráveis”.

Tudo isso pode até nos fazer questionar o amor, mas, eu te digo uma coisa, jamais desacredite na existência dele. Não tente encontrá-lo em cada pessoa que conheceres, não force-o, no momento certo e quando estiveres pronto, tudo se fará entender. Você conhecerá, ou reencontrará alguém, que vai te fazer sentir novamente o belo, o maior e o mais bonito sentimento do mundo. Essa pessoa te mostrará que tudo que você viveu até agora te trouxe até o momento de estar com ela, e então, você não vai querer outra coisa além disso.

Se eu pudesse dar um conselho aos que amam seria “conserve esse amor e lute com todas as suas garras para mantê-lo firme e puro. Acredite sempre nele, pois só o amor transforma vidas e, principalmente, transforma pessoas”.

Um beijo, até mais!

Conheça a nova categoria do blog: o ‘Divã’

IMG_9612.JPG

Eeeeei!! Após taaanto tempo longe do blog, aqui estou novamente.
Antes de começar o post gostaria de explicar minha ausência para vocês leitores (as).

O ano de 2015 foi muito corrido para mim, meeesmo, nunca me sobrava tempo livre. Como eu sou um pouquinho perfeccionista, hahaha, optei por não postar nada no blog. Acho que foi melhor assim, pois não gosto de passar um conteúdo mal elaborado para vocês.

Quem acompanha o blog sabe que gosto muito de falar, e escrever claro, não foi à toa que escolhi a profissão de jornalista, né?! Hahaha.
Então, após um período turbulento de mudanças e reorganização pessoal, estou em uma fase positiva e tranquila da minha vida. Sabe quando você sente seu coração em paz? É assim que tenho me sentido ultimamente. Pensando nisso, e em todos os textos salvos no meu bloco de notas, resolvi criar uma nova categoria no blog: o “Divã”.

Quando conversei com a Mayara sobre isso e a possibilidade de abrir esse espaço mais pessoal e íntimo no Tô Conectada, ela aceitou de cara e disse, inclusive, que também está querendo fazer algumas mudanças por aqui (logo mais vocês ficarão sabendo).

Sobre o “Divã”, não vou me comprometer em escrever toda semana, pois nem sempre estamos inspiradas (né mulheres?) e a vida continua numa correria louca. Porém, sempre que alguém tiver alguma ideia, uma história legal pra dividir ou um assunto que queira falar, eu quero e estarei pronta para ouvir. Acho que saber escutar o que o outro tem a dizer é um dos melhores hábitos que podemos praticar.

Então, se você quiser, pode me enviar um e-mail (daianebau@gmail.com) ou mesmo deixar sua história e opinião aqui nos comentários do blog. Se não quiser que seu nome apareça, tudo bem, usaremos um nome fictício, fique tranquilo (a). Bom, o “Divã” é isso e eu espero, de coração, que vocês gostem da ideia.

Para meu primeiro post nesta nova aba, separei um texto para quem se encontra nessa fase tranquila da vida. Afinal, dizem que a gente só pode falar sobre paz, quando o nosso coração encontra-se nesse estado né?!

“Quando paramos um minuto para analisar o quanto nós, seres humanos, somos capazes de nos reerguer e reestruturar, ficamos até espantados. Todas as pessoas que conheço já passaram por alguma dor, seja ela a saída do emprego dos sonhos, o fim de um relacionamento ou de uma amizade, a mudança de cidade… tudo isso acontece o tempo todo.

Neste momento, há alguém que você nem conhece que está passando por um momento difícil. E, quando estamos imersos nessa melancolia, acabamos não nos dando conta do quanto a vida é maravilhosa. Costumamos nos preencher de pessimismo e mau humor nestas fases, deixando de lado o que realmente importa: a lição por trás disso tudo. Imagine que talvez a saída daquele emprego aconteceu para que pudesses dar um novo sentido à tua vida. Talvez aquele relacionamento não estivesse mais te fazendo plenamente feliz. Talvez naquela cidade você não seria completamente realizado. E talvez aquela amizade que você pensou estar adormecida, não está; afinal não é porque a pessoa não fala 24h por dia com você que não sinta a sua falta ou não valorize a sua presença.

Saiba que para tudo o que acontece, há uma explicação e, conseqüentemente, uma solução. Basta abrir os olhos e enxergar as belezas nos pequenos detalhes. Veja quantas pessoas têm tão pouco e são tão felizes. Aproveite esse momento e se reinvente, se redescubra, se preencha. Quando estiveres repleto de amor e paz, enxergará tudo com mais clareza.”

Um beeeijo e uma ótima semana para vocês!

Saltos diferentes!

A marca paranaense de sapatos Daisy Rieke acaba de firmar uma parceria com duas marcas brasileiras. A partir de agora, eles são os revendedores exclusivos no Paraná das marcas Milla e Lizzy Kahl, ambas destinadas ao público feminino.

A Milla fabrica peças com saltos arrojados, de diferentes formas e tamanhos, inclusive com peças propositalmente tortas, para tornar o sapato um importante acessório fashion. Já os sapatos Lizzy Kahl possuem um mecanismo que possibilitam a troca dos saltos.

Daisy Rieke by Milla.

Daisy Rieke  by Milla

Lizzy Kahl na Daisy Rieke

A marca Daisy Rieke foi a escolhida para ser a revendedora oficial no Paraná por possuir os mesmos conceitos das empresas parceiras: produz sapatos em couro, exclusivos e com formatos modernos e anatômicos. A loja fica no Edifício Everest – Rua Comendador Araújo, 143, loja 17, no Centro, em Curitiba.

Daisy Rieke
Edifício Everest – Rua Comendador Araújo, 143, loja 17. Centro. Curitiba-PR
Fone: 41 3223-6236
www.daisyrieke.com.br
www.facebook.com/daisy.rieke.3
www.instagram.com/daisy_rieke
https://plus.google.com/110310673324600304768/posts

PETIT JOLIE- VERÃO 2016

Oieeee, terça-feiraaa!

E como está fazendo um solzinho em Curitiba hoje, fiquei inspirada para falar da coleção da Petit Jolie -Verão 2016. Recebi uma revistinha sobre a coleção e gostei do que vem por aí, uma coleção super colorida, moderna e jovem. Típico da marca né 😀

000-pati-joly

E tem de tudo: sandálias, scarpins, bolsas, rasteiras e o que você quiser. Cores e modelos de todos os estilos e gostos. Então chega de falação né? Vou postar aqui algumas peças que gostei e lááá em baixo, coloco o site pra quem gostar da coleção, tá?

1500_1470 1500_1497

4619_PJ1444_sandalias_rosa coral download 4611_PJ1447_anabelas_azul piscina

973aeba1ab1102171a9674b8cdd7d81b

1500_1380

Sem dúvidas é o meu preferido *o*

1500_1503 1500_1477

Gostou? quer ver a coleção completa e saber onde comprar? Acesse o site da PETIT JOLIE.

Beijos